Portes Gratuitos - Encomendas Superiores a 45€

A origem

A origem do Atelier do Sabão

1 de Agosto de 2013. Depois de três horas na preparação da nossa tenda, os últimos detalhes estão concluídos. Dentro de minutos, vamos mostrar ao público, pela primeira vez, os nosso sabonetes. E não é em um lugar qualquer! Estamos na maior feira de recreação histórica da península ibérica: a Viagem Medieval de Stª. Mª da Feira. Foram mais de três meses de preparação e muitas interrogações. 15 minutos após a abertura, fizemos a nossa primeira venda, um sabonete de Leite de Cabra. Um misto de sensações foram sentidas nesse momento. Orgulho e alegria mas sobretudo a confirmação de que era possível criar e produzir um produto com as minhas próprias mãos, com os ingredientes por mim escolhidos e partilhar esse resultado com pessoas desconhecidas que confiavam no conceito e em nós. Mas este não foi o início da nossa história...

 

Há muitos anos (não sei ao certo quantos), uma pessoa conhecida regressando de uma viagem, ofereceu-me um sabonete artesanal. Ter esse sabonete nas mãos despertou em mim várias sensações que não esperava. Alguém de muito longe tinha produzido isto com as suas próprias mãos... Como é que nunca me tinha lembrado disso? Eu própria poderia produzir os meus produtos de higiene? Quase que instantaneamente recordei que na minha infância e juventude fazia colecção de sabonetes. Aliás, as jarras cheias continuam intactas e religiosamente guardadas lá na casa dos meus pais.

 

A partir desse dia, começou o processo de aprendizagem que ainda hoje continua. Técnicas, processos, ingredientes, matérias primas, utensílios, formulações, um sem fim de pormenores importantes para obter o resultado final. Lembrava-me que na faculdade tinha estudado o processo. Foi o necessário para iniciar um caminho de pesquisa que me levou a descobrir um novo mundo de possibilidades na produção de cosmética e higiene natural, onde através de produtos da terra e usando a nossa imaginação, podemos idealizar sem limites. Por outro lado, comecei a ganhar consciência e a ficar preocupada com a quantidade de produtos químicos que existem no mercado, que utilizamos sem sequer saber...  tão mal fazem a nós, aos nossos e ao planeta.

Pouco tempo depois de começar a utilizar os meus primeiros sabonetes, notei mudanças na minha pele. Deixei de usar cremes, pois a pele estava naturalmente hidratada. A acne insistente no meu rostro, começou a desaparecer. A dermatite seborreica no couro cabeludo acalmou, a caspa desapareceu... Com o entusiasmo dos resultados e o hábito da investigação, aliando ao prazer de produzir, comecei a desenvolver diversas receitas que são hoje clássicos do nosso catálogo.

Ainda recordo os primeiros moldes feitos pelo Luís. Nessa altura, eu não poderia imaginar que o que começou por um passatempo iria tornar-se razão de vida e a nossa ocupação na actualidade.

Em 2011, a nossa cozinha tinha deixado de existir. Tinha-se transformado em armazém de matérias primas, laboratório, sala de embalagens e produto acabado, tudo só para consumo próprio e para ofertas à família e amigos. Foi a primeira vez que pensamos "temos de procurar uma forma de voltar a ter a nossa cozinha". E assim, inscrevê-mo-nos na nossa primeira feira. Nunca tínhamos participado num evento pelo que não fazíamos ideia da quantidade de produto que deveríamos ter. Com medo de existirem faltas, decidimos produzir mais! 

 

10 de Agosto de 2013, 24:00h - Fim da Viagem Medieval. Com muitas peripécias pelo meio devido a nossa total inexperiência, terminou a aventura. Resultado? A aceitação do público foi boa, as vendas também, mas olhamos para o produto que ficou e parecia o mesmo, continuávamos cheios de sabonetes. E decidimos, "temos que fazer outra feira".

Nesse mesmo ano, a empresa onde o Luís trabalhava fechou as portas. Foi aí que ele disse: "este pode ser o nosso futuro, vamos experimentar".

Hoje em dia, eu e o Luís, contamos com mais de 200 feiras realizadas, loja e atelier abertos ao público em Espinho, loja on-line e a nossa cozinha de volta.

Parece-nos sempre que começamos ontem, pelo que isto é só o início. Continuaremos a perseguir esta missão sem duvidar. Você nosso cliente, não merece menos!